Exames Que Realizamos

bt_bb_section_bottom_section_coverage_image

O QUE HÁ DE MAIS MODERNO EM TECNOLOGIA E PROCEDIMENTOS

O serviço de análises clínicas do Laboratório Santa Vitória oferece uma grande variedade de exames de diferentes complexidades, sendo possível realizar desde exames bastante comuns como um exame comum de urina ou hemograma, até exames genéticos. Testes de paternidade, irmandade, sexagem fetal, testes para diagnósticos de doenças genéticas e oncológicas, triagem neonatal, entre outros.

São exemplos de exames complexos que devido a parceria com grandes laboratórios de apoio e uma rede logística bastante eficiente, podem ser ofertados. Também temos soluções diagnósticas para exames anatomopatológicos e citopatológicos, além de toxicologia (incluindo exames para motoristas profissionais – lei 13.103). Outro setor que tem a demanda atendida em nossa empresa é a Patologia Veterinária. A análise de amostras animais facilita muito o diagnóstico clínico veterinário em diversas espécies.

Biologia Molecular

Biologia Molecular

Alguns do exames que podem ser realizados em nossas unidades via laboratório de apoio:

– Diagnóstico e monitoramento de doenças infecciosas e parasitárias
– Doenças genéticas humanas
– Marcadores tumorais
– Vínculo genético – teste de paternidade (DNA)
– Sexagem fetal
– Intolerância à lactose
– Medicina Preventiva (Nutrigenômica, Rendimento esportivo, Risco cardiovascular, Obesidade)

Resultados confiáveis com logística eficiente que permite a realização de exames complexos com tempo de entrega de resultados bastante reduzidos. Você não precisa sair da sua cidade para realizar exames de maior complexidades.

Toxicologia

Toxicologia

De acordo com o texto da Lei, motoristas profissionais com CNH (carteira de habilitação) das categorias C, D e E têm de ser submetidos ao exame que detecta a presença de substâncias psicoativas por meio da análise realizada em amostra de cabelo ou pelo, como pré-requisito para habilitação.

Empresas com motoristas contratados via CLT também são obrigadas a aplicar a avaliação na pré-admissão e na demissão dos colaboradores que exerçam a profissão de motorista em determinadas categorias. Essas medidas têm coibido e retirado das estradas profissionais que têm por hábito utilizar substâncias psicoativas.

Para maiores informações para realizar seu teste toxicológico, entre em contato através de um dos canais de atendimento.

Analises Clínicas – Hematologia

Analises Clínicas – Hematologia

A hematologia laboratorial é a base para uma série de diagnósticos de patologias. Logo, fica evidente a grande importância que esse procedimento representa não só para a robustez e qualidade técnica do laboratório, mas principalmente para a saúde dos pacientes.

Nesse contexto, podemos listar como benefícios da hematologia laboratorial para os usuários:

Identificação de anemias
Os exames hematológicos estão entre os principais mecanismos de identificação de alterações na estrutura do sangue, entre elas as chamadas anemias.

Os diferentes tipos de anemia podem ser rapidamente diagnosticados por meio de hemogramas e avaliação dos índices hematimétricos que indicam a baixa produção de glóbulos vermelhos e a insuficiência de nutrientes no sangue, como é o caso do ferro.

Análise da imunidade
Outra grande vantagem trazida pela hematologia laboratorial é a análise detalhada da imunidade do paciente.
Como já citado, os exames hematológicos são precisos no diagnóstico de linfomas, ocasionados pela deficiência no sistema linfático, responsável pela produção das células de defesa do organismo.

A identificação precoce de alterações nesse sistema pode evitar a fragilização exagerada do organismo do paciente, expondo-o a problemas de saúde em razão da baixa imunidade.

Identificação de riscos de hemorragia
Dentro das análises realizadas na hematologia laboratorial, um importante componente do sangue também é alvo de avaliações: as plaquetas. Elas são imprescindíveis no processo de coagulação sanguínea, impedindo a ocorrência de hemorragias.

O baixo nível de plaquetas é um fator de risco para a ocorrência de sangramentos. Por isso, a avaliação da quantidade de plaquetas é essencial para identificar se o paciente tem algum tipo de predisposição a sofrer com hemorragias, por exemplo, em caso de ferimentos.

Identificação de infecções e possíveis anomalias
Vale destacar, ainda, que a hematologia laboratorial é um expediente de grande valia para a identificação de infecções no corpo humano.

Várias alterações hematológicas são observadas nos quadros infecciosos, dependendo do agente causador, da extensão e do local da infecção. As alterações observadas no hemograma quanto à composição e morfologia dos leucócitos são indicativas de perturbações causadas por agentes infecciosos, como ocorre em doenças como:

• dengue;
• febre amarela;
• rubéola;
• tuberculose.

Prevenção e tratamento precoce de doenças
Por fim, é importante destacar também o papel da hematologia laboratorial na prevenção e no apoio ao tratamento precoce de doenças.

As avaliações periódicas feitas pelo paciente, por exemplo, podem servir como forma de prevenir o surgimento e/ou agravamento de quadros clínicos, sobretudo em indivíduos detentores de algum fator de risco, como idade ou incidência de determinadas patologias na família.

Citopatologia e Anatomopatologia

Citopatologia e Anatomopatologia

Transporte seguro da amostra: identificação da amostra com código de barras bidimensional que permite o rastreamento de todas as etapas do processo.

Amplo menu de exames: soluções em Patologia cirúrgica, Imunohistoquímica e Diagnóstico Molecular.

Exames citológicos (papanicolau):  O exame visa detectar lesões de natureza pre-maligna e maligna do colo uterino. É possível também diagnosticar: Agentes infecciosos, tais como bactérias, fungos, parasitas e vírus; Processos proliferativos benignos; Anormalidades epiteliais benignas dos epitélios escamoso e glandular; Alterações inflamatórias crônicas e agudas; Alterações epiteliais ocasionadas por agressão ao epitélio. Ex.:radioterapia, cauterizações.

O Anátomo Patológico consiste na avaliação macro e microscópica de tecidos e células de um paciente. É um procedimento realizado por médicos especializados em Patologia Cirúrgica Geral, é necessário para o diagnóstico de doenças ou para estabelecer o estadiamento de tumores. Com o material coletado na biópsia é possível identificar os aspectos anátomo-patológicos do tumor e informações que determinam o perfil da doença, seu tipo histológico, grau de malignidade e prognóstico.

Patologia Veterinária

Patologia Veterinária

Atendemos também a demanda veterinária, realizando exames de rotina (realizados em nosso laboratório) e também exames especializados que são atendidos via laboratório de apoio.

Consulte exames disponíveis via canais de atendimento.

Análises Clínicas – Imunologia

Análises Clínicas – Imunologia

A imunologia é o setor das análises clínicas responsável por estudar todos os aspectos do sistema imunológico, que é a capacidade de defesa do nosso organismo contra doenças como as alergias, a rubéola, a toxoplasmose, a dengue, as doenças autoimunes, entre outras.

Essa especialidade lida com o funcionamento fisiológico do sistema imune de um organismo, em estado sadio ou não, e com as desordens imunológicas (doenças autoimunes, hipersensibilidade, imunodeficiência e rejeição de transplantes, entre outras).

Análises Clínicas – Hormônio

Análises Clínicas – Hormônio

Os hormônios são substâncias químicas que produzimos naturalmente e que regulam o funcionamento do nosso corpo. Eles são originados pelas glândulas do nosso sistema endócrino e liberadas na corrente sanguínea. É de responsabilidade dos hormônios as “respostas” fisiológicas, morfológicas e bioquímicas do nosso organismo, como o crescimento, a velocidade do metabolismo, a excitação, a menstruação, entre muitas outras. Por isso, é importante incluir as análises clínicas hormonais nos check-ups médicos.

Muitos hormônios já são bastante conhecidos por nós, como a Testosterona, o GH, o Estrogênio e o Cortisol, por exemplo. Todos eles têm uma função específica, por isso, qualquer desequilíbrio afeta o bom funcionamento do nosso corpo (e da nossa mente), podendo levar a quadros mais graves de saúde.


Análises clínicas hormonais

As análises clínicas hormonais, também chamadas de exames endócrinos, são muito importantes, pois também ajudam a detectar precocemente alguns tipos de câncer ou doenças autoimunes. Elas devem ser incluídas em um bom check-up sempre que possível, seguindo a recomendação dos profissionais de saúde.

As alterações na produção dos hormônios podem provocar desde a perda ou ganho de peso não intencional, mudanças de comportamento, inibição de crescimento, diminuição da libido, alterações no colesterol e perda de memória. De acordo com pesquisas realizadas pela Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, o desequilíbrio hormonal também pode causar doenças psicológicas, como a depressão.

As condições e sintomas podem variar de pessoa para pessoa, por isso, os exames hormonais devem ser feitos periodicamente, seguindo a recomendação médica. Esses exames são procedimentos simples e ajudam médico e paciente a entenderem o quadro clínico, fazer o diagnóstico preciso e aplicar o melhor tratamento possível.

Marque por WhatsApp

(53) 9 9941-2288